sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Desabafo de um artista

Um artista que não tem um apoio
Vive em luta com sua consciência
Porque por mais que tenha paciência
Clama só como quem faz um aboio
Uns se unem pra lutar em comboio
Mesmo assim quem podia não apoia
Quem depende da arte sua boia
Tá comendo o que o diabo amassou
Nossa arte morreu e se enterrou
E tem gente que diz "tá tudo joia!"


A cultura não é valorizada
Quem podia ajudar se faz de cego
À paixão pela arte me apego
Mesmo todo o apoio sendo nada
Vou seguindo na minha caminhada
Na esperança de um reconhecimento
Pra quem tá no poder eu só lamento
De perder essa oportunidade
De poder colocar nossa cidade
Como estrela de um grande firmamento.